Em Toledo estudantes não têm mais meio-passe para atividades de contraturno

Enquanto algumas cidades avançam na universalização do benefício do meio-passe para facilitar o acesso às políticas públicas, em Toledo crianças e adolescentes só têm o direito a pagar meia tarifa para se deslocar da casa para a escola, o que tem gerado inúmeras reclamações de pais e responsáveis.

Segundo os relatos que chegaram até o gabinete da vereadora Marli do Esporte, a empresa responsável pelo transporte coletivo na cidade, neste ano inviabilizou aquisição do meio-passe às crianças e adolescentes que participam de treinamentos esportivos, fazem cursos ou participam de projetos sociais no contraturno escolar.

O fato levou a vereadora a fazer a indicação nº 55/2020 endereçado ao Executivo, para que tome providências sobre o retorno da concessão do benefício para o transporte coletivo urbano às crianças e adolescentes que praticam esporte. “O valor integral da passagem impede que os atletas de baixa renda, principalmente os que moram em locais distantes dos polos esportivos, tenham o acesso às políticas públicas de esporte e lazer, que é um direito constitucional”.

A técnica esportiva Lourdes Kappes, comenta que a prática esportiva é capaz de contribuir, de forma significativa, na formação social e intelectual das crianças e adolescentes, pois possibilitam experiências práticas que exercitam as habilidades de trabalhar em grupo e também, habilidades individuais. “Quando se dificulta o acesso a essas práticas, fica cada vez mais difícil desenvolver projetos esportivos e sociais, pois sem público não há como realizar um bom trabalho, além de aumentar o tempo ocioso das crianças e adolescentes que passam a ficar na rua durante esse período. Nós temos no município o Passe Atleta, hoje, tenho 20 atletas contemplados para a minha modalidade e os outros 150, como ficam?”, questiona a professora.

Sandra, mãe de um atleta de futsal relata que além de ser cortado o meio-passe, houve um reajuste no valor. “Hoje o valor integral é de R$ 4,05, meu filho treina três vezes por semana, fica complicado desembolsar todo esse valor no fim do mês, porque a gente quer que o filho pratique esporte, mas também têm outras prioridades para usar o dinheiro, por isso estamos solicitando que a empresa volte a disponibilizar o benefício”.

A assessoria da vereadora informou ter feito contato telefônico com a empresa, que apenas confirmou que neste ano não estão sendo disponibilizadas as aquisições de meio-passe para atletas e para cursos em contraturno escolar.

Via: Redação/Assessoria- Foto: Divulgação

Envie sugestões de Pautas, Fotos ou Videos, para o nosso Whatsapp que a nossa equipe irá atender você. (45) 9.9122-3773 ou Entre no nosso grupo do WhatsApp: https://goo.gl/WjuzHP.

Postar um comentário:

Tecnologia do Blogger.