Acusado de espancar mulher grávida em São Paulo, é encontrado no Paraguai e extraditado

A Justiça do Paraguai expulsou do país na noite de sábado (30), o brasileiro acusado de espancar uma mulher grávida de sete meses e causar a morte do bebê, na cidade de Hortolândia, no interior de São Paulo. Cléber Kruger Thomaz, de 24 anos, estava foragido da justiça brasileira desde o dia 1° de novembro.

O foragido foi encontrado na cidade paraguaia de San ALberto, ao norte do departamento de Alto Paraná, à 90 quilômetros de Foz do Iguaçu. Thomaz foi preso por agentes da Divisão Geral de Investigação Criminal e levado para Cidade do Leste, onde às 18h de sábado foi entregue a Polícia Federal do Brasil, pela Ponte Internacional da Amizade. A entrega do foragido se deu através do convênio internacional de cooperação “Comando Tripartite”.

No Paraguai, a imprensa tratou o brasileiro como suposto membro do grupo criminoso Primeiro Comando da Capital (PCC).

Crime

Thomaz era companheiro da vítima e estava foragido desde que o caso veio à tona. Na ocasião, a jovem de 18 anos alegou que havia sido agredida por golpes de barras de ferro e pedaços de madeira por mulheres – entre elas a ex-namorada do companheiro – que a abordaram na rua.

A mãe da vítima, no entanto, disse em entrevista à EPTV, afiliada da TV Globo, que suspeitava do envolvimento do companheiro da filha no crime. Segundo ela, Thomaz já havia agredido a jovem anteriormente.

Depois, a jovem mudou a versão e gravou um depoimento em vídeo para relatar como ocorreram as agressões. A vítima foi internada no dia 4 de novembro no Hospital Estadual de Sumaré da Unicamp com fraturas no crânio, face e braços. Ela recebeu alta no dia 13 de novembro e passa bem. O caso é investigado pela Polícia Civil de Hortolândia (SP).

Via: Radio Cultura Foz/G1_Campinas - Foto: Divulgação

Envie para o nosso Whatsapp a sua sugestão de fotos ou videos, que a equipe nossa irá atender você. (45) 9.9122-3773 ou Entre no nosso grupo do WhatsApp: https://goo.gl/WjuzHP.

Postar um comentário:

Tecnologia do Blogger.