Vai empreender? Siga a trilha da Jornada Empreendedora, do Sebrae/PR

Por oportunidade de mercado ou necessidade própria, jovens brasileiros estão buscando empreender. Segundo a pesquisa GEM (Global Entrepreneurship Monitor), realizada em parceria do Sebrae, no ano passado, 22,2% do total de empreendedores que iniciaram uma atividade empresarial, com negócios formais ou informais, faziam parte do público jovem (18 a 24 anos).

Mas, ser dono do próprio negócio e ter sucesso exige preparação. Para ajudar de forma simplificada os potenciais empreendedores, o Sebrae/PR disponibiliza uma plataforma digital e gratuita.  “A Jornada Empreendedora é voltada para jovens que querem ter seus negócios. A plataforma é gratuita para quem quer começar a empreender, desde a descoberta do propósito até a formalização do negócio”, explica Adriana Schiavon Gonçalves, consultora do Sebrae/PR.

Com o objetivo de ajudar os empreendedores a tirar as ideias do papel, a Jornada Empreendedora está estruturada em oito trilhas: autodescoberta, confiança criativa, primeiros passos para empreender, proposta de valor, modelação de negócio, comunicação do produto, gestão e formalização do negócio.

Os conteúdos são atualizados e incluem casos reais de sucesso de empreendedores do Brasil e do mundo. Cada trilha tem cerca de 15 lições e leva, em média, uma hora para ser executada. A proposta é que o futuro empreendedor possa colocar o que aprendeu em prática, imediatamente.

“Há uma sequência sugerida, mas o participante pode escolher a trilha e praticar as lições quantas vezes desejar. A Jornada Empreendedora também concede certificado de horas extracurriculares, aspecto interessante para os acadêmicos”, avisa Adriana. O fato de poder ser acessada pela internet, sem a necessidade de baixar aplicativo no celular, é outro ponto positivo. De maio até o momento, mais de 1.500 lições já foram executadas na plataforma do Sebrae/PR.

A jornalista Thaila Sayuri Nagazawa, 23 anos, de Londrina, passou a acessar a plataforma no início de agosto por ter interesse no tema. A profissional trabalha como designer e diagramadora em uma agência em um período do dia, e freelancer no outro.

“Tenho muito interesse e necessidade em empreender. Quero ter mais visão empresarial, da própria gestão de negócios”, explica Thaila. A jornalista observa ainda que é preciso ter foco e disciplina para fazer a Jornada Empreendedora.

“Procuro seguir a ordem das trilhas. O conteúdo despertou muito interesse e me fez refletir bastante, nas pessoas do trabalho, clientes e parceiros, para encontrar o meu propósito”, relata Thaila.

A médica Luciana Baptista de Campos, 62 anos, de Curitiba, deve se aposentar no ano que vem e pensa no empreendedorismo como uma atividade alternativa. Ela já começou as lições na plataforma.  “[A plataforma] é extremamente amigável, de fácil navegação. As aulas são rápidas, mas conseguem entregar conteúdo de forma prática e agradável. Outro ponto positivo é poder assistir as aulas no meu próprio tempo”, considera a médica.

Luciana se declara satisfeita com a qualificação dos professores. “A plataforma é ótima e estou bem feliz com o aprendizado que estou tendo. Realmente, é um conhecimento que poderei colocar em prática, eventualmente”, completa A plataforma está disponível no endereço eletrônico www.sebraepr.com.br/jornada.

Via: Redação/Assessoria Sebrae/PR - Foto: Divulgação 

Envie para o nosso Whatsapp a sua sugestão de fotos ou videos, que a equipe nossa irá atender você. (45) 9.9122-3773 ou Entre no nosso grupo do WhatsApp: https://goo.gl/WjuzHP.

Postar um comentário:

Tecnologia do Blogger.