"O Mundo Cervejeiro" esteve em debate hoje, no 8º Seminário Mercosul de Bebidas em Cascavel

A Fundetec (Fundação para o Desenvolvimento Científico e Tecnológico de Cascavel) realizou durante todo o dia de hoje (9), na Festa do Morango, no Centro de Convenções e Eventos, o 8º Seminário Mercosul de Bebidas. Inspirado pela Lei Municipal nº 6.913 de novembro de 2018, que regulamenta a atividade de microcervejarias e seus respectivos bares e restaurantes cervejeiros, o Seminário trouxe como tema este ano 'O mundo cervejeiro'.

"Este evento é científico e tem como objetivo fazer a difusão do conhecimento e incentivar o desenvolvimento de novos mercados, como é o caso da cerveja artesanal, que tem crescido muito. Hoje nós temos cerveja de trigo, de arroz, de cana e de outros produtos. É um produto diferenciado, com valor agregado alto e também é um produto que remete à cultura, não é só um modelo de comércio, mas muitas pessoas fazem suas confrarias de cerveja com a intenção de reunir amigos. E é uma das funções da Fundetec fazer a difusão de conhecimentos, proporcionar o incentivo ao desenvolvimento econômico de Cascavel e a inovação", explicou o presidente da Fundação, Alcione Tadeu Gomes.

Durante todo o dia foram debatidas tecnologias cervejeiras, histórias de sucesso de empresas e pessoas, o crescimento do mercado nacional e internacional, além das dificuldades do setor. O presidente da Abracerva (Associação Brasileira de Cerveja Artesanal), Carlo Lapolli - que foi um dos palestrantes - destacou o crescimento do mercado da cerveja e, em Cascavel, especificamente o apoio da Fundetec para o setor com um seminário consolidado "mostrando o potencial que tem a cerveja artesanal no Brasil, para trazer desenvolvimento econômico, geração de emprego e renda".

Hoje o Paraná e a região de Cascavel já se destaca pela excelência e qualidade da cerveja e isso envolve capacitação, desenvolvimento das empresas, colocando a região em um patamar de destaque no Brasil".

O Brasil atualmente encontra-se como o terceiro maior produtor de cerveja artesanal do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos e China, movimentando uma indústria que fatura bilhões ao ano. Segundo a Abracerva, em dez anos o Brasil foi de 70 para mais de 800 cervejarias artesanais e a previsão de crescimento para 2019 é que haja um aumento de 25% no número de fábricas com tendência de interiorização. "Esse mercado da cerveja artesanal vem crescendo bastante na nossa região. A ideia foi trazer este evento para a festa do morango por ser este local mais acessível para as pessoas para participarem.  Este ano, nós registramos 340 inscrições para o evento sendo que 60% são estudantes de graduação e pós graduação nas áreas de alimentos como engenharia de alimentos, engenharia química, tecnologia de alimentos e nutrição de instituições de Cascavel e região e os 40% restantes são produtores de cerveja, entusiasta do tema e curiosos", explicou o coordenador geral do evento, Frederico Lovato.

Via: Redação/Portal do Municipio de Cascavel - Foto: Divulgação 

Envie para o nosso Whatsapp a sua sugestão de fotos ou videos, que a equipe nossa irá atender você. (45) 9.9122-3773 ou Entre no nosso grupo do WhatsApp: https://goo.gl/WjuzHP.

Postar um comentário:

Tecnologia do Blogger.