Pelo menos 9,5 mil pessoas participaram das 63 ações do "Maio Amarelo" deste ano

As 63 ações realizadas durante o "Maio Amarelo", encerrado no último dia 31, envolveram pelo menos 9,5 mil pessoas em Cascavel, que foram alcançadas com alguma das atividades educativas realizadas pela equipe de educação de trânsito da Cettrans (Companhia de Engenharia de Transporte e Trânsito), em parceria com o Cotrans (Comitê Intersetorial de Prevenção de Acidentes de Trânsito) e demais órgãos de trânsito parceiros. Balanço divulgado hoje (5) pela Companhia revela um crescimento de 48% na participação da comunidade em relação ao movimento organizado em maio de 2018.

No ano passado foram alcançadas diretamente 6.425 pessoas; no período de abril de 2018 a abril de 2019, Cascavel apresentou queda de 43% em acidentes fatais e nenhum óbito de motociclista; em igual período houve redução de 9% no número de atropelamentos e 66% menos óbitos de pedestres; com o investimento em ciclovias e ciclofaixas, Cascavel registrou 22% menos ciclistas feridos.

O Maio Amarelo tem papel fundamental na conscientização dos cidadãos em todos os modais de trânsito, desde o pedestre, o ciclista, o motociclista e o condutor de veículos. Entre as ações do movimento estão palestras para crianças, jovens, adultos e idosos; abordagens na via pública; a operação Pé na Faixa; uso de simulador de trânsito; abordagens lúdicas, tudo isso em prol de um trânsito mais humanizado. "Com grande auxílio da população, nós, educadores e agentes de trânsito conseguimos atingir os objetivos propostos, contribuindo para a redução de acidentes e mortes nas vias públicas", avalia a coordenadora de Educação de Trânsito da Cettrans, Luciane de Moura.

De acordo com ela, o ano de 2019 foi iniciado com o reforço da segurança dos motociclistas, "pois além do excesso de velocidade, em escolas é muito comum encontrar pais ou responsáveis pelos alunos transportando crianças menores de 7 anos, ou transitando em três passageiros, fazendo o famoso "sanduíche", o que é proibido, conforme o CTB (Código de Trânsito Brasileiro)", explica Luciane.

Outra infração facilmente percebida é a falta do uso do dispositivo de segurança (cadeirinha), assim como o cinto de segurança. "Já presenciamos diversas situações em que os condutores colocam em risco a vida da criança e, nós, como educadores, precisamos conscientizar essas pessoas para que os filhos deles, no futuro, não repitam os mesmos erros", complementa.

Ações continuam
Mesmo com as ações alusivas ao mês de maio concluídas, o trabalho de conscientização não cessa. Cettrans e Cotrans desenvolvem ações diárias, alcançando  mais de 20 mil pessoas diretamente, todo ano. A população é convidada a participar ativamente das ações de educação de trânsito, podendo procurar a Cettrans para apoio. As ações desenvolvidas durante o Maio Amarelo poderão ser acessadas no site http://bit.ly/maio_amarelo_2019

Via: Redação/Portal do Município de Cascavel - Foto: Divulgação

Envie para o nosso Whatsapp a sua sugestão de fotos ou videos, que a equipe nossa irá atender você. (45) 9.8812-8476 ou Entre no nosso grupo do WhatsApp: https://goo.gl/WjuzHP.

Postar um comentário:

Tecnologia do Blogger.