HU realiza mutirão de reconstrução facial em pacientes no CEAPAC

Nesta semana, está sendo realizado o mutirão de reconstruções faciais no CEAPAC – Centro de Atenção e Pesquisa em Anomalias Crânio Faciais. Esta é uma ação interdisciplinar do Hospital Universitário do Oeste do Paraná (HUOP).

Ontem (01) durante o dia, foram realizadas três cirurgias, que finalizaram com êxito em crianças com até dois anos de idade e, o primeiro adulto da série de três, sendo que dois deles, com 44 e 31 anos, nunca tiveram acesso aos serviços cirúrgicos de correção das anomalias de lábio e palato. Hoje (02) tem sequência os procedimentos em adultos com 2 cirurgias sequenciais, finalizando o mutirão.

Essas reconstruções são extensas, e visam condições adequadas de vida e socialização para estas pessoas. Em meio a isto, a equipe do CEAPAC viabiliza as condições clínicas ideais aos pacientes de modo a minimizar os possíveis inconvenientes de pré, trans e pós-operatórios dos pacientes.

Cristiana Gambirage dos Santos é de Palmas - PR e está acompanhando sua irmã, Márcia Gambirage, de 30 anos. Cristiana conta que, quando Márcia era pequena, procuraram auxílio médico em São Paulo, mas a cirurgia não foi realizada e após isso, deixaram de lado. “Acho que a cirurgia melhora tudo na vida dela, na alimentação, na vida em sociedade, aparência e bem-estar. Porque ela tinha o céu da boca aberto, era difícil para se alimentar, conversar, enfim”, explica Cristiana. “Sem contar no aumento da autoestima, é como se ela renascesse”, finaliza.

Na ocasião, a equipe médica contou com os cirurgiões bucomaxilofaciais dra. Natasha Magro e dr. Álvaro Garbin. Também estavam participando o cirurgião plástico Renato Somensi, e o cirurgião norte-americano dr. Pedro F. Franco, da Universidade de Odontologia do Texas (Texas A & M College of Dentistry).

Esse foi o primeiro mutirão, organizado pelas docentes do curso de Odontologia da Unioeste (Universidade Estadual do Oeste do Paraná), e profissionais do CEAPAC, dra. Natasha Magro Ernica e professora dra. Mariângela Baltazar, que contaram com apoio irrestrito da Unioeste e HUOP.

A professora Mariângela explica que nos últimos 60 dias foram intensas as atividades em torno da organização do evento. Desde a viagem do dr. Pedro Franco, com especial incentivo do reitor Paulo Sérgio Woff, até a complexa logística hospitalar no HUOP.

“No hospital contamos com o apoio da direção clínica, na pessoa do dr. Luiz Sérgio Bader por viabilizar os leitos para internamento e salas do centro cirúrgico. A direção administrativa, na responsabilidade do diretor Rodrigo Suzuki e do servidor Misael Gonçalves de Oliveira, que ofereceram a retaguarda para aquisição dos materiais cirúrgicos necessários aos procedimentos, em tempo hábil para tal. À direção geral do HUOP, com o prof. dr. Edison Leismann, promovendo a articulação entre todas as direções e setores de modo a motivar e manter o estado de organização indispensável”, reitera a professora.

Mariângela também considera necessário ressaltar que segundo o médico visitante, dr. Pedro Franco, a estrutura do HUOP/CEAPAC surpreendeu positivamente em tamanho e organização, e mais ainda em saber que tudo é ofertado pelo SUS - Sistema Único de Saúde - gratuitamente à toda a população usuária.

O sucesso do evento aconteceu por conta de todo envolvimento dos docentes e servidores do CEAPAC/HUOP/Unioeste na busca da excelência acadêmica e de prestação de serviços de saúde gratuito e de qualidade a toda macrorregião Oeste do Paraná.

Via: Redação/Assessoria HU - Foto: Divulgação 

Envie para o nosso Whatsapp a sua sugestão de fotos ou videos, que a equipe nossa irá atender você. (45) 9.8812-8476 ou Entre no nosso grupo do WhatsApp: https://goo.gl/WjuzHP.

Postar um comentário:

Tecnologia do Blogger.