Cascavel comemora avanços neste 10 de outubro, Dia da Guarda Municipal

O dia 10 de outubro é uma data festiva para guardas municipais de todo o Brasil. É que neste dia foi sancionada a Lei Federal 13.022/14, que criou a corporação em nível nacional. De acordo com o artigo terceiro da lei, os princípios de atuação das guardas municipais compreendem "a proteção dos direitos humanos fundamentais, do exercício da cidadania e das liberdades públicas; preservação da vida, redução do sofrimento e diminuição das perdas; patrulhamento preventivo; compromisso com a evolução social da comunidade".

Em Cascavel, a GM foi criada no dia 28 de setembro de 2015, quando foi sancionada a lei municipal 6532/2015. No ano seguinte, o Município realizou concurso público para a formação profissional de 50 guardas. Vencida a etapa do concurso, o curso preparatório foi iniciado em agosto de 2016 e concluído em fevereiro de 2017.

Atualmente a Guarda Municipal de Cascavel conta com 42 integrantes, sendo três deles do sexo feminino, que atuam no patrulhamento de prédios públicos e diante de situações de flagrante delito, como furtos, roubos, combate ao tráfico de drogas entre outras situações que requerem a atuação da corporação. "A nossa guarda municipal, hoje, é um importante instrumento de auxílio à Polícia Militar e à Polícia Civil, nesse desafio de trazer mais segurança para a nossa cidade. Os números que temos mostram que estamos no caminho certo, mas precisamos avançar ainda mais, mesmo com todas as dificuldades que todo o Brasil atravessa nesse momento", disse o prefeito em exercício, Jorge Lange.

De acordo com o balanço de atividades da GM, somente de janeiro a agosto de 2018, entre as principais ocorrências atendidas estão 186 casos da Lei Maria da Penha, 146 apoio à pessoa, 53 atendimentos de casos de furto e 31 veículos foram recuperados. Confira o balanço completo das atividades da GM neste link.

Neste ano de 2018, outro marco importante para a GM de Cascavel foi o porte de armas depois de ser cumprido todo treinamento preparatório junto à Polícia Militar e concluído o convênio com a  Polícia Federal. "Para ter o direito de portar armas, nossos homens e mulheres passam por treinamento anual obrigatório de no mínimo 80 horas no 6º BPM de acordo com o convênio 171 de 2016, e a cada dois anos passam por avaliação psicológica", detalhou a secretária municipal de Políticas Sobre Drogas e Proteção à Comunidade, Rose Vascelai.

A inserção na Lei do SUSP (Sistema Único de Segurança Pública), que passou a vigorar em 2018 definiu novas regras fazendo com que os órgãos de Segurança Pública, como as polícias Civil, Militar e Federal, bem como as secretarias de Segurança e as guardas municipais, estejam integradas e trabalhem de forma cooperativa e sistematizada. "Isso garante à nossa Guarda a integração com as demais forças de segurança do País", explicou Avelino José Novakoski, que comanda a Guarda Municipal de Cascavel.

De acordo com o SUSP, como já acontece na área de saúde, os órgãos de segurança do sistema vão realizar operações de forma conjunta, podendo ser ostensivas, investigativas, de inteligência ou mistas, e ainda contar com a participação de outros órgãos no enfrentamento às organizações criminosas.

"Dia da GM" 
Rose Vascelai informou que entre as atividades alusivas ao Dia da Guarda Municipal, no próximo sábado (13), das 8h às 12h, os agentes estarão distribuindo panfletos  educativos e de orientação no calçadão da Avenida Brasil. "Também estaremos reforçado a divulgação do telefone da GM que é o 153 para casos em que a comunidade precisar de atendimento", completou.


Via: Redação/Portal do Município de Cascavel - Foto: Divulgação 

Envie para o nosso Whatsapp a sua sugestão de fotos ou videos, que a equipe nossa irá atender você. (45) 9.8812-8476 ou Entre no nosso grupo do WhatsApp: https://goo.gl/WjuzHP.

Postar um comentário:

Tecnologia do Blogger.