"Queremos transporte ágil, sem abrir mão de qualidade e humanização"

"Queremos transporte ágil, sem abrir mão da qualidade e assegurando humanização, porque o bem tem valor, mas o cidadão que vai passar aqui todos os dias, tem muito mais". Com este cuidado com o conforto dos novos serviços que entram em funcionamento neste sábado (1) em Cascavel, o prefeito Leonaldo Paranhos, junto com o vice, Jorge Lange, com o presidente da Cettrans, Alsir Pelissaro, a família Kops homenageada no ato, vereadores, secretários e a comunidade do Brasmadeira, inaugurou o novo Terminal de Transbordo Nordeste - o segundo dos quatro previstos no PDI (Programa de Desenvolvimento Integrado) que está em fase final de implantação, com recursos do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento).

O prefeito elogiou a iniciativa da Cettrans de colocar à disposição dos passageiros um sistema de atendimento presencial nos terminais e também por meio do número 3036-8088."Temos que ouvir os cidadãos; a população tem o direito de expressar os sentimentos e nossa gestão busca a construção de uma cidade humanizada, por isso queremos fazer a mudança com o menor impacto possível, apesar de que seja normal algum desconforto para quem estava acostumado há muito tempo com o antigo sistema. Contudo, as mudanças são para melhor".

"Havia mais de 20 anos que o sistema não mudava, então é natural as pessoas estranharem no início até estarem totalmente adaptadas, mas estamos trabalhando para prestar todo atendimento", assegurou Pelissaro.

Mudanças começam às 5 horas deste sábado
Neste sábado, a partir das 5 horas, as mudanças começam a valer e, nesta data em que os terminais Nordeste e o novo Leste, inaugurado na tarde de ontem (30) entram em operação, fiscais de transporte da Cettrans - a partir das 6h30 - orientarão os passageiros do transporte coletivo quanto às mudanças nos horários e itinerários. Além disso, em frente ao novo Terminal Leste, a equipe de educação e agentes de trânsito prestarão apoio ao trânsito, principalmente para os pedestres que acessarão o terminal, orientando também sobre a nova sinalização implantada, as quais se tornaram mão única.

O novo Terminal Nordeste está localizado na Rua Gandhi, no Loteamento Garbim, no Bairro Brasmadeira. Ele interligará todo o novo sistema de linhas com a região norte, que entra em operação sábado (1).

Provisoriamente - até que o novo modal esteja totalmente implantado, em dezembro, quando os ônibus passarão a circular pela Avenida Brasil e os dois novos terminais também estiverem interligados), os ônibus que chegam sentido bairros da região norte irão adentrar pelo primeiro acesso, próximo à Avenida Piquiri e sair pela Rua Gandhi. Os ônibus que chegam sentido Centro, os interterminais como, Linha Manaus e Linha São Cristóvão/UPA acessarão pela Rua Gandhi, saindo pelo acesso à Avenida Piquiri.

Para acessar o Terminal Leste, as linhas que chegam dos bairros da Região Norte transitarão pela Rua Maringá, adentrarão ao terminal, saindo pela Rua Ponta Grossa, sentido Avenida Rocha Pombo.

Já as linhas que chegam da Região Sul e Linhas Eixo, Coopavel e São João que vêm pela Avenida Brasil, acessarão o terminal pelas Ruas Corbélia e Ponta Grossa, saindo pela Rua Maringá e já acessando a Rua Martin Afonso de Souza. As linhas que seguem para a área central sairão sentido Centro e as demais se distribuem sentido bairros para os itinerários.

Serão 21 carros no Terminal Nordeste e 50 carros no Terminal Leste, totalizando 27 novos itinerários (10 linhas no Nordeste e 17 no Leste). Linhas e itinerários podem ser consultados no site da Cettrans.

Terminal homenageia pioneiro
O novo Terminal de Transbordo Nordeste foi denominado Astor Kops em homenagem ao pioneiro do bairro que teve uma trajetória de vida marcada por ações na comunidade. A viúva, Gertrudes, e os filhos, foram homenageados e agradeceram o reconhecimento, emocionados, relembrando os atos de seo Astor Kops em prol do Brasmadeira e da cidade, o que contribuiu significativamente para o desenvolvimento do bairro. Ele se dedicou às causas dos mais necessitados, sendo considerado um líder por todos.

O pioneiro chegou em Cascavel em 1960, quando instalou residência em uma chácara local que agora abriga o novo terminal e que, na época, dava o sustento à família por meio dos trabalhos de carpintaria. O homenageado também prestou vários serviços sociais, contribuindo na construção da primeira capela católica, sendo membro da diretoria da igreja, ministro e auxiliar na construção da paróquia e salão de festas.

No local onde o campo de futebol da comunidade foi implantado décadas atrás, hoje o projeto do terminal contemplou uma estrutura anexa com academia ao ar livre, quadra de futebol society, estacionamento e bicicletários para que a comunidade possa continuar se reunindo para a prática esportiva e de lazer, como nos velhos idos.

Estrutura
Com uma área de 1.955,00 m², o novo terminal recebeu um investimento de R$ 5.287.126,79, por meio do PDI. Assim como o Terminal Leste, inaugurado na tarde de ontem (30), foi construído com estrutura em concreto armado e cobertura metálica. Conta com dois sanitários (feminino e masculino) acessíveis e sala para informação/guarita (nas duas extremidades).

Segurança dos novos terminais
O prefeito explicou, durante o ato, que não descarta a possibilidade de fazer a concessão de uso dos novos terminais, visando à manutenção dos locais. Está tramitando na Câmara de Vereadores uma emenda à Lei Orgânica, que permite a concessão, por exemplo, de espaços públicos como o Kartódromo, o Autódromo, o Estádio Olímpico, os quiosques da Avenida Brasil e autorização para construção de quiosques para exploração no Zoológico e em parques.


Via: Redação/Portal do Município de Cascavel - Foto: Divulgação 

Envie para o nosso Whatsapp a sua sugestão de fotos ou videos, que a equipe nossa irá atender você. (45) 9.8812-8476 ou Entre no nosso grupo do WhatsApp: https://goo.gl/WjuzHP.

Postar um comentário:

Tecnologia do Blogger.