Fundetec e Unioeste são premiados no Conectadel

Ciência e tecnologia são os carros chefes para o nosso futuro, além de essenciais no presente e inestimáveis ao passado. Tendo isso em mente e prezando pelo desenvolvimento do país, em 2013 a FPTI-BR (Fundação Parque Tecnológico Itaipu-Brasil) em parceria com o PTI (Parque Tecnológico Itaipu), criaram o ConectaDEL Brasil.

 CONECTADEL BRASIL

Criado em 2013, o Programa Regional de Formação para o Desenvolvimento Econômico Local com Inclusão Social para o Brasil - ConectaDEL Brasil - resultou do processo de articulação FPTI-BR, com apoio da Itaipu Binacional e demais atores locais, e em parceria com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), como uma estratégia de geração de capacidades dos atores locais para o fortalecimento da gestão integrada, de caráter público-privado, com a implementação de cursos de formação, intercâmbio de experiências entre os atores participantes e o cofinanciamento de projetos pilotos voltados ao desenvolvimento territorial.​

EDIÇÃO 2018

Nesta Edição de 2018, em parceria com o Sistema Regional de Inovação do Oeste do Paraná (SRI-Oeste), está sendo lançado o CONECTADEL – INOVAÇÃO, que tem como objetivo fomentar o desenvolvimento de soluções e de apoio a laboratórios e centros de pesquisa, tecnologia e inovação entre Universidades/ICT's e Empresas no território. Sendo que, o valor será repassado aos projetos elaborados e selecionados durante o curso “Promotores para a Inovação e Desenvolvimento”, promovido pelo ConectaDEL – Inovação​.

FUNDETEC ENTRE OS DESTAQUES DO CONECTADEL INOVAÇÃO

O projeto da Fundetec em parceria com a Unioeste, Automação 4.0 de Prensa Extrusora e Aplicação Energética de Óleos Vegetais, ficou em quinto lugar entre os finalistas. Concorrendo com outros 25 projetos, a Fundação passou por todas as etapas de avaliação, sendo no final premiada com R$100.000,00 para a aplicação do projeto.

Representando a Fundetec e parceiros estavam presente o diretor técnico Carlos Schulze e os pesquisadores Cristiano Lewandoski e Leonardo Reis.

O projeto desenvolvido no CDTER (Centro de Desenvolvimento de Difusão Tecnológico de Energia Renovável) tem como objetivo disponibilizar uma máquina versátil que poderá dar maior autonomia aos agentes do agronegócio no que tange a agregação de valor ao produto grãos em alimento, combustível e energia.

Via: Redação/Assessoria Fundetec - Foto: Divulgação

Envie para o nosso Whatsapp a sua sugestão de fotos ou videos, que a equipe nossa irá atender você. (45) 9.8812-8476 ou Entre no nosso grupo do WhatsApp: https://goo.gl/WjuzHP.

Postar um comentário:

Tecnologia do Blogger.