"Cartão Combustível": novo sistema de abastecimento garante gestão com maior eficiência

O novo modelo de gestão e controle do abastecimento da frota do Município de Cascavel foi detalhado nesta manhã (4) pelo secretário de Planejamento e Gestão, Edson Zorek, durante a Escola de Governo especial que trouxe também assuntos da Saúde e o detalhamento do Chamamento Público 04/2018, da Secretaria de Cultura e Esportes - que beneficiam 12 modalidades do esporte amador de Cascavel.

A empresa vencedora do Pregão Presencial nº 195/2018 que irá prestar serviços de gerenciamento e controle de fornecimento de combustíveis em redes de postos credenciados, por meio da tecnologia de cartões magnéticos, disponibilizou um software que foi detalhado pelo secretário e que permite o gerenciamento online do serviço que até então era feito de forma manual pelo Controle da Frota. A empresa venceu apresentando taxa de administração igual a 0% e concederá um desconto de 2,06% em cima do valor da tabela ANP, "o que garantirá que o Município pagará abaixo do valor de tabela, evitando problemas com constantes realinhamentos de preços. Contaremos com 25 postos de Cascavel credenciados, facilitando o deslocamento dos veículos, inclusive da frota que precisa se deslocar para outros municípios.

O Departamento da Frota ficará responsável por indicar o local que o valor do combustível estiver mais em conta para abastecer, de forma que teremos maior economia, maior eficiência e maior controle do serviço", explicou Zorek, lembrando que no modelo atual as autorizações são feitas manualmente, com requisições de abastecimento para o posto vencedor da licitação, e o controle pelo Sistema IPM.

A empresa Neo Consultoria e Administração de Benefícios Eireli - EPP, que venceu o certame pelo valor de R$ 5.199.125,31, inicia hoje (4) a implantação do sistema na prefeitura e, durante 30 dias, permanecerá no Município oferecendo também treinamento à equipe que operacionalizará os serviços, que permite a emissão de relatórios, consulta de dados de cada um dos 700 veículos que integram a frota, média de consumo, comparativos, entre outros, "um controle que há muito estamos buscando implantar e que agora será possível, pois ele é necessário, uma vez que há um valor significativo que é gasto mensalmente com combustíveis e é preciso ter esse montante muito bem administrado", afirmou o prefeito, que também já estuda um chamamento para oficinas que possam fazer a manutenção da frota.

Via: Redação/Portal do Município de Cascavel - Foto: Divulgação 

Postar um comentário:

Tecnologia do Blogger.