Micro e pequenos empresários devem migrar do papel para o sistema online eSocial

Desenvolvido com o intuito de automatizar e descomplicar os processos de gestão e envio de dados aos órgãos responsáveis, o eSocial (Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas), criado pelo Governo Federal, substitui o hábito burocrático e pouco produtivo de preencher documentos e formulários, que resultava no gasto excessivo de tempo e demandava muito mais atenção do empresário. Com o novo sistema, 15 obrigações devem ser enviadas periodicamente de forma digital para a plataforma.

Antes, todos esses dados eram entregues separadamente para cada órgão responsável. Com o eSocial, a intenção é, além de reduzir tempo, oferecer mais segurança jurídica. O serviço também deixa mais visíveis os direitos e deveres trabalhistas, previdenciários e fiscais de ambos os lados dentro de uma empresa. “É uma questão do costume do empresariado. Esse vai ser um período de adequação. O eSocial vem de uma forma online, informando em tempo real o que acontece com o trabalhador, desde o momento da admissão. Ele precisa ter seus dados postos de forma correta, não podendo começar nem antes nem depois do combinado, tem que estar seguindo dentro do registro online para não acarretar em multas para o empregador” comenta Sidinei Mazzuti, diretor do conselho fiscal da AMIC, Associação de Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Oeste do Paraná.

A implantação do novo sistema vem sendo feita gradativamente. Primeiro, em janeiro de 2018, o eSocial se tornou obrigatório para grandes empresas que têm faturamento anual superior a R$ 78 milhões. E em novembro desse ano, a obrigatoriedade é estendida para os demais, apesar do sistema já estar disponível para todos. “A orientação é que as empresas com funcionários procurem os escritórios de contabilidade que podem fornecer mais informações sobre o sistema. Para quem não possui funcionários, a própria prefeitura pode ajudar gratuitamente”, recomenda o diretor da AMIC. Uma central de atendimento também foi criada para orientar os empregadores, que podem entrar em contato pelo telefone 0800 730 0888.

Via: Redação/Contelle Assessoria de Comunicação - Foto: Divulgação 

Envie para o nosso Whatsapp a sua sugestão de fotos ou videos, que a equipe nossa irá atender você. (45) 9.8812-8476 ou Entre no nosso grupo do WhatsApp: https://goo.gl/WjuzHP.

Postar um comentário:

Tecnologia do Blogger.