Território Cidadão VIII chega ao Cancelli na próxima semana

No próximo dia 10 (terça-feira) será instalado o Território Cidadão VIII, que abrangerá os Bairros Cancelli, Claudete e Country. As estruturas temporárias vão beneficiar uma população de mais de 20 mil pessoas, segundo dados do IBGE de 2016. As estruturas serão instaladas no pátio da Igreja Nossa Senhora de Fátima, do Bairro Cancelli, na Rua Salgado Filho, 3.354 (dia 10) e no Canadá, o atendimento à população será feito no campo de futebol ao lado da Escola Municipal Teotônio Vilela, entre as Ruas Itaqui e Alegrete, no dia 12.

Em função do período eleitoral e da Resolução N.23.555 do TSE que determina o “Calendário Eleitoral 2018”, a partir do dia 7 de julho (sábado), três meses antes, data a partir da qual é vedada na realização de inaugurações e a contratação de shows artísticos pagos com recursos públicos (Lei n. 9.504/1997, art.75), algumas atividades artísticas não serão apresentadas ao público, “mas isso não vai prejudicar em nada o atendimento à comunidade destes bairros e loteamentos”, garantiu o gerente do Território Cidadão, Ailton Lima.

A instalação do Território VIII vai garantir atendimentos nas áreas da saúde, cultura, esporte, lazer, e todas as secretarias municipais estarão presentes atendendo as demandas levantadas junto a população.
O Território Cidadão é um programa de governo que tem o objetivo de aproximar o governo municipal da população, realizar uma mudança rápida e eficiente de uma determinada região ou bairros, construção de um sistema de atualização automática dos diagnósticos comunitários, implementação de ações integradas de todas as áreas da administração pública em um curto espaço de tempo, para rápida mudança do perfil do território, trazendo desenvolvimento e equalização com padrões de outras áreas mais desenvolvidas do Município.

Sensibilização
No último dia 3 (terça feira), equipes da Cettrans, Secretaria Municipal de Educação e Território Cidadão estiveram nas Escolas Municipais Michalina Sochodolak, Aloys João Mann, Teotônio Vilela, Vicentina Guisso e Terezinha Picoli Cezarotto apresentando o Território Cidadão, sua estrutura, como funciona, seu objetivo e o que é este programa de governo.
A Cettrans, através da coordenadora de Educação de Trânsito, Luciane de Moura, apresentou aos professores e diretores dos estabelecimentos de ensino localizados nos Territórios VIII e VII, o projeto Rua Segura, que contempla a humanização do trânsito em frente às escolas municipais. Ela destacou a importância do envolvimento das famílias neste processo. ”Não adianta os professores trabalharem em sala de aula a educação no trânsito se os pais ao levarem os filhos para a escola estacionarem em local proibido, não usarem o cinto de segurança ou o capacete. Por isso é importante que os pais participem ativamente deste processo”, destacou.
Além do Rua Segura, também foram apresentados, durante a parada pedagógica da Semed, que faz parte do calendário escolar do Ministério da Educação, os projetos Cidade Limpa, FeliCidade do Idoso, Escola Feliz, Reciclar é Preciso, Programa Saúde Humanizada, Segurança Comunitária e Escola de Governo, que integram as ações desenvolvidas no período de instalação dos Territórios.

12 Territórios
Cascavel foi divida em 12 Territórios de aproximadamente 15 mil a 35 mil moradores delimitados entre um território e outro, permitindo assim uma administração descentralizada e participativa, onde é conhecida a realidade e as necessidades de cada comunidade. Este conhecimento é obtido através do levantamento de demandas feito junto aos moradores que apontam quais melhorias são necessárias para seus bairros. A divisão do município em territórios levou em conta critérios geográficos, econômicos, sociais e culturais. Sete territórios já foram implantados e até o mês de agosto, a intenção do governo municipal é instalar até o fim de agosto mais quatro territórios.


Via: Portal do Município de Cascavel - Foto: Secom


Postar um comentário:

Tecnologia do Blogger.