Felipe Drugovich acumula 27 vitórias no automobilismo internacional

Líder da Euroformula F3 Open, o brasileiro venceu em todas as categorias de base que disputou O domínio de Felipe Drugovich com sete vitórias e um segundo lugar em oito corridas na Euroformula F3 Open não é surpresa àqueles que acompanham a carreira do piloto nas pistas internacionais. A promessa brasileira de 18 anos acumula 27 vitórias do ano passado até agora.

A estreia foi em abril de 2016, na primeira etapa do ADAC Fórmula 4 no circuito alemão de Oschersleben. A primeira conquista veio logo depois, na corrida de abertura da terceira etapa do campeonato, na pista de Lausitzring, também na Alemanha, onde foi o melhor estreante. Em sua participação no campeonato alemão, Felipe contabilizou 7 vitórias e 9 pódios. Ainda em 2017 em uma participação especial na Fórmula 4 Italiana, somou também uma vitória nesta categoria.

Mas o brilhante piloto não conquistou glórias somente na Europa. Felipe também carrega em seu currículo o título de campeão do MRF Challenge, campeonato asiático de carros da categoria de fórmula 3 no qual obteve impressionantes 11 vitórias, sendo 4 delas em Abu Dhabi, 3 em Dubai, 2 no Bahrain e 2 em Chennai, na Índia.

Na fórmula 3 Drugovich estreou com vitória na etapa final de 2017 do Euroformula F3 Open, no circuito espanhol de Barcelona. Somando os sete primeiros lugares de 2018, são oito vitórias das 10 corridas que fez na categoria. É o líder da temporada, com 204 pontos dos 216 possíveis até a conclusão da primeira metade do campeonato, que terá sequência em Silverstone, na Inglaterra.

“As minhas primeiras conquistas, tanto em Lausitzring na Fórmula 4 e Barcelona na Fórmula 3 foram muito legais apesar que todos meus fins de semana de pista foram muito bons, é resultado de constância”, avalia Felipe.

Felipe Drugovich credita seu desempenho como resultado de vários pequenos fatores que se somam. “É preciso ter uma pré-visualização do que pode acontecer no fim de semana de corrida, desde reações do carro até o que eu posso fazer para me adaptar”. Além disso Felipe valoriza a parte psicológica. “A preparação mental é importante. Corrida também se ganha fora do fim de semana”, finaliza ele.

O próximo compromisso do piloto paranaense é na abertura da segunda metade da Euroformula F3 Open em Silverstone, na Inglaterra, em 1º e 2 de setembro. A etapa seguinte, no circuito italiano de Monza, terá suas corridas nos dias 22 e 23 de setembro. As duas etapas finais confrontarão os pilotos em circuitos espanhóis no mês de outubro: Jerez, nos dias 6 e 7, e Barcelona, nos dias 20 e 21. Felipe Drugovich compete com apoio de Drugovich Auto Peças, Alpinestars e Stilo.


Via: Redação/Grelak Comunicação - Foto: Divulgação Euroformula F3 Open

Envie para o nosso Whatsapp a sua sugestão de fotos ou videos, que a equipe nossa irá atender você. (45) 9.8812-8476 ou Entre no nosso grupo do WhatsApp: https://goo.gl/WjuzHP.

Postar um comentário:

Tecnologia do Blogger.